quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Será que a Dilma Dá Azar?

Até porque não sou especialista em transmissão de energia elétrica, sempre me senti desconfortável com este sistema de transmissão nacional baseado em permuta de energia entre diferentes regiões do país. Fico com a sensação da possibilidade do efeito Dominó, onde caindo uma estação todas podem ficar comprometidas. Ao invés do princípio da redundância, ficamos a mercê de condições fora do próprio sistema. As condições climáticas passam a ter uma probabilidade maior de interferirem na transmissão até porque os pontos de transferência são muito distantes um dos outros, em sua maioria são as próprias Usinas Hidrelétricas que se colocam como interface para as necessárias transmissões da corrente.
Certa vez um técnico me explicou que tal sistema dava garantia e segurança para os Estados de São Paulo e o Rio de Janeiro. E os demais vinte cinco estados da Federação? Pois bem, ontem tivemos um apagão de dimensões continentais e nosso sistema não agüentou. Não houve redundância capaz de sustentar a transmissão de energia elétrica para o território nacional.
O site da instituição responsável pela Operação Nacional do Sistema Elétrico Nacional nem sequer cita o evento. Para eles não houve apagão, apesar de terem informado que soltariam uma Nota a respeito dos acontecimentos. O Ministro responsável diz que foram as rigorosas condições climáticas no Estado do Paraná, coisa que os Serviços de Metereologia não confirmam. A senhora Dilma continua declarando que nosso sistema de distribuição de energia elétrica é o mais seguro do mundo e alguns nerds brasileiros discutem na Internet que qualquer hacker pode comprometer facilmente o sistema porque funciona na verdade num ambiente de “queijo suíço”, (cheio de buracos para se entrar no sistema).
Triste país que se apaga durante quase quatro horas e seus dirigentes ficam com medo de procurar as causas porque em 2010 teremos eleições.

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Tudo Que É Sólido Se Desmancha no Ar!

Os burocratas de esquerda de plantão no Palácio sempre acreditam em suas conspiratórias reuniões de que um dia a VITÓRIA CHEGARÁ!, eh eh
Esta tal da Internet atrapalha um pouco, afinal de contas deve se tratar de um último recurso do Imperialismo para com suas garras dominar as mentes humanas. - “ Mas devemos estar atentos, cochicham os eternos conspiradores”.
Pronto! Resolveram fazer um Blog do Lula. Ele achando que valia a pena ser um pouco Cesar Maia, eh, eh outra vez.
Dois garotos de vinte e três anos de idade clonaram o Blog do moço sem qualquer pirataria. Pura operacionalidade permitida pelo virtual e nesta altura o Marco Aurélio deve estar repetindo os movimentos que adora fazer, só que desta vez dizendo que foi na deles.
Vale à pena dar uma olhada no Blog Chapa Branca que já morreu e no Blog dos garotos que até o momento já tem mais de quinhentos comentários.
Endereço Chapa Branca: http://blog.planalto.gov.br/
Endereço do Blog Clonado pelo Pedro Makun e a Daniela Silva: http://planalto.blog.br/
Os que continuam desconfiando das redes tecnológicas deveriam parar pra pensar , examinando melhor a telinha; uma Revolução ou apenas mais uma ferramenta que pode ser usada para o bem ou para mal? ARGH!!!! Eta gente reacionária! Todos pensando em melhorar o mundo com mais impedimento.
As nossas crianças não vão deixar!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

O Congresso do PPS em Defesa da Política

O PPS realizou um importante encontro na cidade do Rio de Janeiro durante os dias 07, 08 e 09. A cerimônia de Abertura teve duas homenagens que bem definem o nosso compromisso com a Política e a maneira como os militantes desta cidade procuram formas de fazê-la: duas singelas placas oferecidas aos companheiros Luiz Jorge Werneck Vianna e ao jornalista da agitação permanente Milton Coelho da Graça. E mais importante ainda: A placa do Werneck foi lhe entregue por Armênio Guedes, Henrique Caban entregou a placa ao Milton, afinal são companheiros de vida toda na conspiração do bem que sempre realizaram.
A força da presença destes quatro companheiros é o compromisso com a Revolução! Nada de outras nomeações, sempre e somente a Revolução. Eles têm em sua consciência a arraigada percepção deque todo instituído que se instale nas sociedades começa a gestar novas forças instituintes que irão derrubá-lo. São todos quatro grandes quadros do que fazer na conjuntura dos diversos momentos políticos, mas é a Revolução que os alimenta.
Milton disse algumas palavras e começou assim, olhando para o Cartaz comemorativo do XVI Congresso do PPS com os dizeres: “Sem Mudança não há Esperança!” Companheiros , sem negar estas palavras de ordem, quero afirmar QUE SEM MUDANÇA NÃO HÁ VIDA!!!!
Pronto! O compromisso revolucionário estava mais uma vez confirmado na abertura de nosso Congresso.
Não resisto o contrabando e aproveito para colocar uma pequena entrevista que dei durante o Congresso: http://www.youtube.com/watch?v=126N_xbOzCY.

domingo, 26 de julho de 2009

As Intermitências das Mudanças

Saramago merece todo o nosso respeito, mas também se assusta diante da avalanche. As mudanças são tantas e tão inesperadas, sempre muito rápidas, que até este excelente blogueiro, http://caderno.josesaramago.org/, resiste e se alinha com a esquerda diante da Revolução. Em entrevista ao Jornal O Globo de hoje, dia 26 de julho de 2009, declara:-“Nada há que seja verdadeiramente livre nem suficientemente democrático. Não tenhamos ilusões, a Internet não veio para salvar o mundo”. Os Marinhos não perderam tempo e deram a chamada sob o título “A Internet não Veio Para Salvar o Mundo”
O nosso grande patrimônio cultural imagina intenções que não são da natureza da telinha. O salvacionismo é atitude consagrada entre esquerdistas e pentecostais em todas as suas variantes. As mudanças são grandes e possibilitam novas formas de organização social e de criação de novos saberes, sem qualquer compromisso com a salvação.
Como o escritor é genial, sua angústia deve estar na percepção de que a autoria do texto tem seus dias contados nas redes com seus nodos cada vez mais conectados. Ataca o Twitter como gerador de grunhidos e não vê mais de quinze milhões de pessoas linkadas em novas sínteses de comunicação.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Um militante da Pós Modernidade.

Lula é um craque no seu permanente trabalho de desmoralizar todos os tipos de representação do país. Acabou com PT, que atualmente é um bando de Zumbis esperando seus comandos e desejos.
Desmoralizou ainda mais a Câmara dos Deputados com o episódio do mensalão e seus quarenta ladrões.
Participa do achincalhe ao Senado Federal usando os seus Zumbis para manter o infeliz José Ribamar na presidência da casa.
Usa o aparelho do Executivo em todas as suas instâncias para consolidar a candidatura da Zumbi Dilma.
E finalmente resolveu desmoralizar completamente o instituto do Impeachment, abraçando e saudando em Alagoas as figuras de Fernando Collor e Renan Calheiros para todo o país. Se o PC não tivesse sido assassinado, com certeza estaria lá também para receber a unção de perdão de nosso militante pós-moderno.
E La Nave Va.

quinta-feira, 9 de julho de 2009

A Internet está morrendo de Medo!

Foi aprovado ontem pela Câmara dos Deputados, na forma de substitutivo do moderníssimo deputado do PCdoB do Maranhão Fávio Dino, o Projeto de Lei 5498/09. A autoria do projeto é atribuída ao deputado Henrique Eduardo Alves da garnde agremiação do PMDB do Rio Grande do Norte, primeiro dos líderes que assinaram o texto elaborado por um grupo de trabalho criado em junho pelo presidente Michel Temer. O grupo foi coordenado pelo deputado Flávio Dino.
O Projeto propõe uma série de mudanças na Lei Eleitoral de 1997, Lei n° 9504, e na Lei dos Partidos Políticos de 1995, Lei n° 9096. Entre elas introduz o tema do uso da Internet e uma tentativa de regulação durante as campanhas eleitorais no país.
Uma das pérolas aprovadas diz no Artigo 57-D: É vedado aos Provedores de conteúdo e serviços de multimídia, bem como as empresas de comunicação social na Internet, nos conteúdos disponibilizados em suas páginas eletrônicas:
I - transmitir, ainda que sob forma de entrevista, imagens, texto ou som sobre realização de pesquisa ou qualquer outro tipo de consulta popular de natureza eleitoral em que seja possível identificar o entrevistado ou em que haja manipulação de dados;
II – usar trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo, que de qualquer forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação, ou produzir ou veicular propaganda com este efeito;
III – dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação;
IV – veicular ou divulgar filmes, novelas, minisséries ou qualquer outra matéria com alusão ou crítica a candidato ou partido político, mesmo que dissimuladamente, exceto com conteúdos jornalísticos ou debates políticos;
V – divulgar o nome de página eletrônica que se refira a candidato escolhido em Convenção, ainda quando preexistente, inclusive se coincidente com o nome do candidato ou com a variação nominal por ele adotada.

Este consistente texto de Lei vai ao valoroso Senado Federal para aprovação. A Internet está paralisada e morrendo de medo!

segunda-feira, 6 de julho de 2009

E tem gente que resiste!

Mais de um bilhão e trezentos milhões de pessoas “On Line” via Internet produzem: - 3.892.179.868.480.350.000.000 de dados (ficou difícil de ler o número? A gente ajuda: 3 sextilhões, 892 quintilhões, 179 quatrilhões, 868 trilhões, 480 bilhões e 350 milhões de informações no formato digital).
E isso só tende a aumentar com os futuros planos da indústria de celulares e telecomunicações para o aumento da banda larga sem fio no mundo.
Ela pode ajudar, e muito, a dar mais acesso a quem ainda está offline [4,37 bilhões de pessoas no mundo], pois é mais barata de implantar - afirma Chris Pearson, presidente mundial da 3G Americas, entidade que congrega a turma da tecnologia celular GSM e seus derivados.
Imaginem quando esses “sem-rede” entrarem e começarem a postar e twittar. (O Globo Digital em 06 de junho de 2009).

Impressionante a resistência de diversos intelectuais e políticos. Quando dizemos que é uma Revolução desdenham e consideram uma ilusão com desvios tecnocráticos, eh eh.

domingo, 10 de maio de 2009

Um Belo Encontro entre Saramago, Bach e Rostropovich!

“De Deus e da morte não se tem contado senão histórias, e esta é mais uma delas.”, página 146
“Não entendo nada, falar consigo é o mesmo que ter caído num labirinto sem portas, Ora aí está uma excelente definição da vida, Você não é a vida, Sou muito menos complicada que ela.”, página 198
Em “As intermitências da Morte” Saramago consegue bela síntese Dialética entre morte/vida e apresenta toda uma discussão sócio-política em um país imaginário onde a morte repentinamente para de acontecer. Não satisfeito com a reportagem, parte para a “poesis” e soluciona todos os mistérios colocados na obra unindo-se a Bach com a Suite N° 6 para Cello. E citando Rostropovich duas vezes. A suíte de Bach passa então a ser personagem decisiva do romance que realiza uma bela poesia em favor da vida.
Curiosamente este livro foi lançado aqui no Brasil, no SESC Pinheiros em São Paulo no dia 27 de outubro de 2005. Na ocasião a imprensa divulgava: José Saramago, Prêmio Nobel de Literatura em 1998 e considerado por muitos como o maior autor vivo da língua portuguesa, faz o lançamento mundial de seu novo livro, As Intermitências da Morte, em 27/10, às 20h, no Sesc Pinheiros, em evento realizado pelo Sesc São Paulo e pela Editora Companhia das Letras. Na ocasião, Saramago fala ao público presente no teatro do Sesc Pinheiros (disponíveis 500 lugares), acompanha leitura dramática de trecho do livro feita pelos atores Dan Stulbach e Leona Cavalli e apresentação do violoncelista Johannes Gramsch.
Encontrei no Youtube uma gravação completa da Suite N°6 de Bach, BWV 1012 interpretada por Mstislav Rostropovich e filmada na Basílica Sainte Madeleine, Vézelay, França em 1991.
Seguem os links na ordem da composição
1. Prélude - http://www.youtube.com/watch?v=r9fpmgpNDwc
2. Allemande - http://www.youtube.com/watch?v=bwJ0C2Pu4OE
3. Courante Sarabande - http://www.youtube.com/watch?v=6aMIvZksW2c
4. Gavotte e Gigue - http://www.youtube.com/watch?v=6aMIvZksW2c
O grande Saramago faz assim um romance com outros dois grandes artistas Bach e Rostropovich!

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Se Beber, Não Jogue Poker!

No último Domingo, fui à Convenção do PPS em Niterói para o XVI Congresso do Partido que acontecerá no Rio de Janeiro entre 07 e 09 de agosto. Lá me encontrei com um amigo que reclamou que no meu Blog eu só tinha falado de Poker uma única vez e ele queria mais Posts sobre o Poker. Concordei e disse que iria me recuperar; - aí vai um Post com duas piadas e dicas de sites legais de Poker.

O Poker e a Lei
P: Qual a diferença entre o poker e a lei?
R: No poker, se você é pego roubando, você fica de fora.

O camarada chega em casa e diz para a mulher:
- Faça suas malas! De hoje em diante você vai morar com o meu amigo Ricardo!
- Como é que é o negócio?
- É isso mesmo que você ouviu! Acontece que eu apostei você no pôquer e perdi!
- Como é que você fez uma coisa dessas??
- Ora, roubei né!

Bons Sites em português:
http://www.clubedopoker.com/
http://www.universidadedopoker.com/
http://pt.pokernews.com/
http://www.superpoker.com.br/

Além da profunda verdade do título, não se esqueçam: para ganhar no Poker é preciso jamais se cansar de passar.

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Obama Antecipou o Bet

Bom jogador de Basketball e apreciador do jogo de Poker, Obama sabe o efeito de um lance inesperado diante dos parceiros.
Bet é aposta,ação fundamental em qualquer mesa de Poker. Antes mesmo de começar o jogo propriamente dito, os parceiros se movimentam em torno das apostas. Tais movimentos indicam as posições de cada jogador em relação às cartas que têm em suas mãos e seus sentimentos. A antecipação de uma aposta forte é um risco e pode levar um jogador aventureiro ao fracasso. Mas quando usada por profissionais causa estragos na maioria dos amadores que se arriscam e imaginam ganhos fáceis num jogo dificílimo e que exige muita paciência e cálculo.
Acompanhando os movimentos de Lula nos dias que antecederam o encontro do G20, que vinha direcionando seu discurso para uma posição de fortalecimento do papel dos Estados emergentes diante da crise, e ainda preocupado com os movimentos das lideranças da América latina em relação aos movimentos de “independência” que vem sendo propostos procurando isolar os Estados Unidos como o representante máximo do império, Obama resolveu antecipar o Bet, isto é, jogou grande parte de suas fichas na figura de Lula. De saída Lula passou a ser “O Cara” na reunião. Pronto!
Lula deixou a teoria do Centro forte na gaveta, ficou feliz ao lado de vários dirigentes de olhos azuis e entubou a responsabilidade de mediar futuros problemas de soberania na AL. Saiu brincando que era uma coisa espantosa ele dar dinheiro para o FMI depois de tantos anos agitando nas ruas e nos sindicatos contra o próprio FMI, eh eh. Não sei se percebeu o fortalecimento da instituição como resultado concreto do encontro.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Dois Monumentais Aniversários em 2009.

Ontem, doze de fevereiro, fizeram duzentos anos do nascimento de Charles Darwin. Com exceção da Folha de São Paulo que dedicou na última terça feira um editorial ao evento com consistente conteúdo, silêncio em toda a mídia.

Este ano marcará também os cento e cinqüenta nos da publicação da obra fundamental de Darwin, o livro publicado em 24 de novembro de 1859, "A Origem das Espécies" (do original, em inglês, On the Origin of Species by Means of Natural Selection, or The Preservation of Favoured Races in the Struggle for Life). Lá ele introduziu a idéia de evolução a partir de um ancestral comum, por meio de seleção natural. E vem sendo a explicação científica dominante para a diversidade de espécies na natureza durante todos estes anos.

Vale à pena a declaração de Darwin com relação as suas descobertas:
“Provavelmente todos os seres orgânicos que alguma vez viveram nesta Terra descenderam duma única forma primordial na qual a vida foi pela primeira vez instilada."
"Toda a História do Mundo, tal como a conhecemos no presente, [...] será de ora em diante reconhecida como um mero fragmento de tempo, quando comparada com as eras que passaram desde a criação da primeira criatura, o progenitor das inúmeras espécies descendentes extintas e existentes."
"Quando penso neles, não como criações especiais, mas como descendentes diretos dum punhado de seres que viveram muito antes do primeiro estrato do sistema silúrico ter sido depositado, todos os seres me parecem mais nobres."


Segue a imagem de um Ammonite Asteroceras, ser vivo que existiu entre 416 milhões e 359 milhões de anos atrás, aproximadamente. Uma existência de cerca de 57 milhões de anos. Toda a humanidade e sua organização social existem no máximo a cerca de 40 mil anos! Antes disso éramos todos antropóides!

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Algumas Trapalhadas e Muita Coragem

Depois de alongadas férias, o velhinho volta ao Blog, já em pleno 2009, quase precisando postar sobre os pré-carnavalescos.
Dei uma parada para descançar da luta eleitoral, quando aqui avaliávamos se efetivamente o que vinha ao encontro de nossas imensas costas era uma marolinha sem importância ou imensas ondas de uma crise sem precedentes nas economias e nas finanças de todos os países do mundo.
Navegando pela telinha evidencia-se a dificuldade do novo presidente Norte Americano de se movimentar em direção a alternativas que minorem a crise. Pressionado pelos temores da nação mais importante na economia mundial, baixa um primeiro pacote de medidas, mas sucumbe em um dispositivo que sinaliza o velho protecionismo das agonizantes aduanas mundiais. Parece que se esqueceu da lição das redes e não considerou as mudanças nas relações espaciais que enfraquecem exatamente o conceito geopolítico das fronteiras.
E o Jornal Estado de São Paulo noticiou que a confirmação do pacote no Senado manterá a tese: “O pacote de estímulo econômico que será votado na semana que vem no Senado americano deve conter emenda protecionista exigindo que todo o "ferro, aço e produtos manufaturados" usados em projetos do pacote sejam "made in USA". A proposta, do senador democrata Byron Dorgan, prevê que os US$ 887 bilhões que o Senado deve aprovar para ressuscitar a economia americana sejam destinados exclusivamente a fornecedores americanos, segundo documento obtido pelo Estado”.
Patinando na Economia, mas com imensa coragem nas questões sociais, Barack Obama vem conclamando os americanos a participarem de um esforço de afirmação republicana da Nação. Vale a pena ver este vídeo, que apesar de editado, está traduzido e demonstra toda coragem cívica do novo Presidente.


video